Páginas

segunda-feira, 6 de agosto de 2007

SOBRETUDO E ENTRETANTO

.

Eu vejo esse sol pela janela, entrando pelas frestas daquela persiana romana, branca, de PVC na horizontal. Aí como sempre, em todas as persianas há um mundo lá fora que eu gostaria de ficar olhando o tempo todo. Mas não dá pra ficar somente olhando o tempo todo passando.

Ficar lá fora é sobretudo estar, também, parado e eu não quero me sentir assim. Só que é legal, também, quando chega o dia a hora de se encontrar apenas com vc, como nos finais de semana e eles costumam ser lindos. Mas esperar os finais de semana não é algo muito bom.

Daí o sol brilha demais. Já são 16:51. Melhor fechar as persianas pra tela do monitor não ofuscar. Basta imaginar que o sol está lá fora brilhando. Pode-se lembrar que quando criança, passávamos o dia inteiro lá, mas como não dá pra esperar, a gente cresce e outras coisas acontecem. Amém também!!! :P


[pra ouvir feist, de novo, mas agora sugiro mushboom:) ]

.

2 comentários:

Ediléa disse...

seus textos estão cada dia melhores
bjos doces pra vc

Pessoa X disse...

persianas abertas e sol no computador. eu sou o único que gosta disso. uhasduhasdhuasdhuasduh